Encontro de empreendedorismo jovem discute sucessão familiar

  • Data: 15/07/2017

Crédito: Fredox CarvalhoEvento ocorre nesta sexta, 14, em Rio Verde, e reúne mais de 250 jovens empreendedores

Fortalecer as iniciativas empreendedoras, formar novas lideranças para atuar em diferentes frentes do agronegócio e discutir a importância da sucessão familiar para os negócios rurais. Estes são objetivos do Encontro Regional de Empreendedores Jovens, evento que ocorre nesta sexta-feira, 14, em Rio Verde (GO). Mais de 250 pessoas, principalmente jovens empreendedores, participam do encontro, que é realizado pela Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar Goiás), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Goiás), juntamente com Sindicato Rural (SR) de Rio Verde e outros parceiros.

Segundo o superintendente do Senar Goiás, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, o evento pretende debater alguns pilares que contribuem para o desenvolvimento do campo. “O grande desafio é exatamente fortalecer pontos importantes do setor, como a renovação de quem atua no meio rural, promovendo a sucessão dos negócios, além de desenvolver e oferecer oportunidade para as iniciativas empreendedoras”, destaca. Antônio Carlos reforça ainda a necessidade de formar novas lideranças, que possam buscar melhorias para o segmento e consolidar todo o trabalho que já vem sendo realizado para fortalecer a agropecuária goiana.

O superintendente acrescenta também que todo trabalho e eventos voltados para este objetivo são válidos, como é o caso do Encontro, que terá outras edições no estado de Goiás, e do desafio de agro startups, ação que será lançada e realizada nos próximos meses, em parceria com o Sebrae Goiás.

Conhecimento
Para o diretor do Sindicato Rural de Rio Verde, José Roberto Brucelli, é uma honra o município receber a 1ª edição do Encontro Regional de Empreendedores Jovens. Filho, neto e bisneto de produtor rural, Brucelli destaca a importância dessa nova geração para a condução dos negócios rurais. “É um orgulho para os pais verem seus filhos se formando e dando continuidade aos negócios da família, levando informação e conhecimento para o campo”, ressalta. Ele reforçou ainda que a agropecuária precisa de sucessores. “Hoje, a Faeg Jovem é responsável por levar essa informação e estimular a sucessão familiar rural. Por isso, eventos como este são importantes para levar esse conhecimento adiante”, informa.

Representando a Câmara de Vereadores de Rio Verde, o presidente Lucivaldo Medeiros também enfatiza a importância da sucessão familiar para o desenvolvimento do campo. “É importante a renovação do setor e a fixação dos jovens na atividade. Isso contribuirá para transformar e alavancar ainda mais o setor agropecuário”, diz. O gerente regional do Sebrae Goiás, Cláudio Laval, relata a importância das instituições, como Sebrae, Senar e Faeg para o desenvolvimento do empreendedorismo jovem, especialmente rural. “O papel dessas entidades é dar suporte, assistência e resolver os problemas dos jovens empreendedores ou aqueles que querem empreender. É incentivar e mostrar o caminho”, afirma.

Texto: Fernando Dantas
Fotos: Fredox Carvalho